Conheça bolsistas selecionadas e selecionados para a Residência Literária da Livraria O Jardim

NegaLilu Editora divulga a lista de selecionados para Residência Literária

A escritora Paulliny Tort abre as atividades da Residência Literária dO Jardim Livraria em 6 de abril, com foco na escrita para romance ficcional e conto. Realizado pela NegaLilu Editora e pela Casa da Cultura Digital, com apoio da Lei Aldir Blanc – Secult Goiás, o projeto contempla 18 residentes bolsistas, selecionados entre 76 candidatos concorrentes aos Eixos Escrita e Publicação.

Segundo a coordenadora da Residência Literária, Larissa Mundim, muitas propostas de alta qualidade não puderam ser incluídas, considerando a limitação de vagas. O edital que orientou o processo seletivo prevê o atendimento de sete residentes em cada eixo, no entanto, com a anuência dos instrutores dos cursos, a editora ampliou a participação para nove alunos. “O critério de desempate foi a valorização do projeto coletivo em detrimento do projeto pessoal”, ressalta Mundim.

O programa de capacitação para escritoras/escritores e publicadoras/publicadores vai se estender até junho, com atividades on-line. “A ideia é criar ambiência para imersão, com apoio financeiro da bolsa para que haja um tempo dedicado ao trabalho, que vai resultar em publicação como produto final”, resume a coordenadora. (conheça abaixo a lista de selecionadas e selecionados)

Instrutores

Além de Paulliny Tort, no Eixo Escrita, os residentes vão ter a oportunidade de aproximação da técnica e da experiência de Cidinha da Silva, para qualificar a escrita de contos e de crônicas literárias. Estratégias da criação de texto para livro infantil e para o livro ilustrado serão abordadas por Tino Freitas, outro especialista e autor premiado, que integra o time de instrutores da Residência Literária.

Para atender às expectativas de quem deseja elaborar e produzir livros com alta qualidade criativa, no Eixo Publicação, outros nove residentes têm encontros marcados com Suryara Bernardi (ilustradora), Paulo Verano (editor), Laura Del Rey (designer gráfico) e Lilia Góes (produtora gráfica). Cada um dos eixos está programado com 24 horas/aula.

 

Leitura

O programa da Residência Literária totaliza 100 horas de atividade gratuita, a maior parte é aberta ao público em geral. “O ponto de encontro entre escritores e publicadores residentes é o Eixo Leitura. A leitura está na base da criação e da produção do livro”, argumenta Larissa Mundim. Para tanto, a NegaLilu Editora organizou quatro rodas de leitura comentada, conduzidas pela professora Izabel Lemos. Cada encontro oferece 30 vagas, distribuídas por ordem de inscrição, por meio do site www.negalilu.com.br .

“Exuzilhar”: melhores crônicas de Cidinha da Silva, vol. 1″, de Cidinha da Silva, é a obra escolhida para iniciar as atividades do Eixo Leitura, no dia 30 de abril, às 16 horas. Com encontros virtuais, sempre aos sábados, Izabel Lemos também vai conduzir a roda de conversa sobre “Erva brava”, de Paulliny Tort (21/5), “Terra fresca da sua tumba”, de Giovanna Rivero (25/06) e “Leila”, de Tino Freitas (09/07).

 

Conheça quem são as selecionadas e os selecionados para a Residência Literária da Livraria O Jardim:

 

Eixo Escrita

Cássia Fernandes

Fernando Cândido

Gabriela Domiciano

José Fábio da Silva

Lavínia Mendes

Luiz Gustavo Medeiros

Maria Clara Machado

Pablo Mathias

Webert Gomes Silva

 

 

Eixo Publicação

Álvaro Paiva

Dom Oitomeia

Francielle Thaiane

Igor Augstroze

Jairo Macedo

Lepife

Luiza Brandino

Tarsila Couto de Brito

Thaise Monteiro

 

Comentar

Comentários (0)

Deixar um comentário

Seu endereço de e-mail não será revelado. Os campos obrigatórios estão marcados com *