Avião de papel

Livro-objeto, ensaio de dobradura, projeto de voo. “Avião de papel” almeja ser minúsculo, discreto, retraído. Ele é como o seu autor, Rosa das Neves: tem um jeito de se mostrar ao se esconder. Poesia cotidiana e autobiográfica, que revela para leitores e leitoras desejo de morte e de vida se alternando diante das anunciações juvenis da paixão. Contém ilustrações de Gabriela Chaves.

Compre AQUI.

Comentar